top of page
Modeo de Negocio

if Soluções · agosto de 2024

Plano de
Comunicação

Objetivos

O Plano de Comunicação Estratégica do Grupo Gestão estabelece as diretrizes e ações necessárias para fortalecer a presença da empresa no mercado de consultoria de gestão. Fundado em 2009, o Grupo Gestão é uma Empresa Júnior de Consultoria em Gestão vinculada ao curso de Engenharia de Produção da Universidade de Brasília, composta por alunos orientados por professores experientes.

‚Äč

Este plano foi desenvolvido com base em uma análise SWOT detalhada e está alinhado com a missão de transformar pessoas em agentes de mudança e a visão de encantar pessoas, garantir resultados e liderar o movimento empresa júnior. O documento abrange estratégias de marketing de conteúdo, SEO, redes sociais, email marketing, eventos, relações públicas, publicidade digital e parcerias estratégicas.

‚Äč

Cada seção define objetivos SMART, métodos de coleta e análise de KPIs, e processos-chave para garantir a implementação eficaz das estratégias. As razões para acreditar (RTBs) destacam as competências técnicas, inovação, relacionamento, custo-benefício e responsabilidade social do Grupo Gestão, reforçando sua proposta de valor.

‚Äč

Este plano é um guia dinâmico, ajustado continuamente com base em resultados e mudanças de mercado, refletindo o compromisso do Grupo Gestão com a excelência em comunicação, desenvolvimento contínuo e inovação, assegurando que suas mensagens sejam claras e eficazes para seu público-alvo.

Introdução

Pautas

- Visão Geral do Plano
- Objetivos Principais
- Resumo das Estratégias a serem Impmenetadas

- Análise SWOT
- Breve descrição da empresa
- Organograma empresarial

- Missão
- Visão
- Valores
- Detalhamento de Personas
- Mensagens-Chave
- Razões para Acreditar (RTB's)
- Detalhamento de Praça
- Manual de Identidade Visual
- Manual de Identidade Verbal

- Descrição de Públicos
- Jornada de Compra
- Parcerias Estratégicas
- Manual de KeyWords & SEO

- Objetivos Estratégicos (PE)
- Estratégias Alinhadas aos Objetivos
- Canais de Comunicação

- Atividades Básicas & Táticas
- Cronograma de Implementação
- Manual de Eventos da Marca

- Processos Chave da Comunicação
- Atividades Complementares & Prevenção de Gargalos
- Fluxogramas

- Processos Chave da Comunicação
- Atividades Complementares & Prevenção de Gargalos
- Fluxogramas

1) Vis√£o Geral do Plano

1) Visão Geral do Plano

Propósito do Plano

O plano de comunicação estratégica do Grupo Gestão é desenvolvido com o propósito de fortalecer a marca, melhorar a comunicação interna e externa, e apoiar o lançamento e a promoção de novos serviços. A necessidade surgiu como resposta às dinâmicas do mercado e às oportunidades de crescimento identificadas durante a análise SWOT, destacando a importância de uma comunicação eficaz para sustentar a expansão e inovação da empresa.

‚Äč

Escopo do Plano

O plano abrange todas as áreas da empresa, com especial atenção para a equipe de gestão de projetos e o departamento de marketing. Serão considerados todos os tipos de comunicação, incluindo comunicação interna, externa, digital e tradicional. A abrangência geográfica do plano será principalmente nacional, focando em consolidar a presença do Grupo Gestão em diferentes estados do Brasil, com potencial expansão para mercados internacionais no futuro.

‚Äč

Principais Componentes

  • Identidade da Marca: Refinamento da mensagem da marca e alinhamento com os valores de inovação, liberdade e protagonismo.

  • Comunicação Corporativa: Estratégias para melhorar a comunicação interna e a disseminação de informações estratégicas.

  • Marketing Digital: Aumento da presença online através de campanhas digitais inovadoras e engajamento nas redes sociais.

  • Relações Públicas: Fortalecimento das relações com stakeholders chave, incluindo parceiros acadêmicos, empresas e ex-membros.

‚Äč

Visão de Futuro

Após a implementação deste plano, a comunicação do Grupo Gestão será percebida como dinâmica, transparente e alinhada com as necessidades dos stakeholders. A empresa estará posicionada como líder no movimento empresa júnior, reconhecida por sua capacidade de transformar desafios em oportunidades de crescimento e inovação.

‚Äč

Justificativa

  • Necessidade de Intervenção: As lacunas identificadas na comunicação atual, especialmente a necessidade de melhorar a assertividade do marketing e a gestão do conhecimento, justificam a implementação deste plano. Além disso, o plano busca explorar oportunidades de mercado, como a digitalização e a expansão para novos serviços.

  • Impacto Esperado: Espera-se que o plano melhore significativamente a percepção da marca, aumente o engajamento com o público-alvo, e fortaleça as relações com stakeholders. Isso deverá resultar em um aumento da eficácia organizacional e do sucesso nos projetos realizados.

‚Äč

Conexão com a Estratégia Corporativa

O plano de comunicação está alinhado com a estratégia corporativa global do Grupo Gestão, apoiando diretamente os objetivos de crescimento, inovação e liderança no mercado. Ao integrar as comunicações de forma estratégica, o plano reforça o compromisso da empresa com a evolução constante e o protagonismo no ambiente empresarial.

2) Objetivos Principais do Plano

2) Objetivos Principais do Plano

1. Aumentar a Conscientização da Marca

  • Alinhamento Estratégico: Suportar o objetivo estratégico de expansão e reconhecimento no mercado nacional.

  • Especificidade: Aumentar a conscientização da marca do Grupo Gestão em mercados-chave por 25% até o final do ano.

  • Mensurabilidade: Medido pelo aumento do tráfego no site da empresa, pesquisas de reconhecimento de marca e menções em mídias sociais.

  • Atingibilidade: Realizar campanhas de marketing digital, participação em eventos de indústria e publicações em veículos de comunicação relevantes.

  • Relevância: Essencial para atrair novos clientes e parceiros.

  • Temporalidade: Meta estabelecida para ser alcançada até dezembro deste ano.
     

2. Melhorar a Comunicação Interna

  • Alinhamento Estratégico: Alinha-se com o objetivo de fortalecer a cultura interna e o engajamento dos membros.

  • Especificidade: Desenvolver e implementar uma plataforma de comunicação interna que integre todos os departamentos até o final do segundo trimestre.

  • Mensurabilidade: Medido pela taxa de adoção da plataforma pelos membros e feedback sobre eficácia na comunicação interna.

  • Atingibilidade: Utilizar recursos tecnológicos existentes e apoio da equipe de TI para desenvolvimento.

  • Relevância: Facilitará a disseminação de informações e melhorará a colaboração entre equipes.

  • Temporalidade: Implementação completa prevista para o fim do segundo trimestre.
     

3. Aumentar o Engajamento do Cliente

  • Alinhamento Estratégico: Visa fortalecer a relação com os clientes e melhorar a retenção e satisfação.

  • Especificidade: Aumentar o engajamento do cliente nas redes sociais e no website em 30%, medido pelo número de interações e tempo de permanência na página.

  • Mensurabilidade: Usar ferramentas de analytics para monitorar interações, comentários e compartilhamentos.

  • Atingibilidade: Criar conteúdo de alta qualidade, interativo e regularmente atualizado.

  • Relevância: Engajamento elevado é crucial para a conversão de leads e fidelização de clientes.

  • Temporalidade: Meta para ser atingida ao longo do próximo ano fiscal.
     

4. Posicionar o Grupo Gestão Como Líder no MEJ

  • Alinhamento Estratégico: Reforçar o papel do Grupo Gestão como líder no Movimento Empresa Júnior.

  • Especificidade: Estabelecer o Grupo Gestão como uma das três principais empresas juniores no Brasil até o fim de 2025.

  • Mensurabilidade: Ranking nas avaliações do movimento e feedback de outras empresas juniores.

  • Atingibilidade: Participar ativamente em eventos do MEJ, contribuir com iniciativas e compartilhar melhores práticas.

  • Relevância: Aumentar o prestígio e a influência do Grupo Gestão no movimento, atraindo talentos e oportunidades.

  • Temporalidade: Atingir essa posição até o final de 2025

P√ļblico

3) Resumo das Estratégias

1. Estratégias Digitais

  • Marketing de Conteúdo: Desenvolver conteúdo que ressoe com as necessidades e interesses do público-alvo do Grupo Gestão, focando em temas como inovação em gestão, casos de sucesso, e insights de mercado. Implementar um calendário editorial para garantir a consistência das publicações em blogs, vídeos e podcasts.

  • SEO (Search Engine Optimization): Otimizar o site para palavras-chave relevantes que são frequentemente pesquisadas por empresários e estudantes interessados em consultoria de gestão. Realizar análises periódicas do desempenho do site para ajustar e melhorar as estratégias de SEO.

  • Marketing nas Redes Sociais: Utilizar plataformas como LinkedIn para networking profissional, Instagram para mostrar o dia a dia e conquistas da equipe, e Facebook para compartilhar eventos e atualizações importantes. Criar campanhas interativas que incentivem a participação e engajamento do público.
     

2. Comunicação Interna

  • Newsletters Internas: Estabelecer uma newsletter mensal que compartilhe atualizações importantes, celebre conquistas e mantenha todos informados e envolvidos nos objetivos da empresa.

  • Plataformas de Comunicação: Implementar ferramentas como Slack ou Microsoft Teams para facilitar a comunicação rápida e eficiente entre os membros da equipe, permitindo um fluxo de trabalho mais integrado e colaborativo.
     

3. Relações Públicas

  • Gestão de Relacionamento com a Mídia: Construir e manter relacionamentos com jornalistas e influenciadores nos campos de educação e negócios para garantir cobertura mediática regular e positiva.

  • Eventos: Organizar e participar de eventos como conferências de negócios e feiras de carreira para aumentar a visibilidade e reforçar a imagem do Grupo Gestão como líder em consultoria júnior.
     

4. Publicidade

  • Campanhas Publicitárias: Desenvolver campanhas que destacam os serviços únicos e os sucessos do Grupo Gestão, utilizando tanto mídias digitais quanto tradicionais para alcançar um público mais amplo.

  • Patrocínios: Patrocinar eventos ou programas que se alinhem com os valores de inovação e desenvolvimento profissional, aumentando assim a visibilidade da marca em ambientes relevantes.
     

5. Marketing Direto

  • E-mail Marketing: Criar uma série de e-mails que não apenas informe, mas também eduque os clientes potenciais e atuais sobre as melhores práticas de gestão e os serviços oferecidos pelo Grupo Gestão.

  • SMS e Mensagens de Aplicativos: Usar plataformas como WhatsApp para enviar atualizações rápidas e promoções especiais a um grupo selecionado de contatos.
     

6. Branding

  • Desenvolvimento de Marca: Refinar a identidade visual e os materiais de marketing para garantir que reflitam os valores e a missão do Grupo Gestão, criando uma conexão mais profunda com o público.

  • Gestão de Marca: Monitorar continuamente a percepção da marca nas redes sociais e outros canais digitais, respondendo proativamente a feedbacks e gerenciando a reputação online.

Jorn de Compra

4) Análise SWOT

A análise SWOT é uma ferramenta fundamental para entender as forças, fraquezas, oportunidades e ameaças que o Grupo Gestão enfrenta. Ela proporciona insights valiosos que podem ajudar na formulação de estratégias eficazes para alcançar os objetivos de negócios. Vamos detalhar cada aspecto da análise SWOT para o Grupo Gestão:

Forças

  1. Cartela de Produtos Diversificada: Oferece uma gama variada de serviços de consultoria que podem atender diferentes necessidades de clientes em diversos setores.

  2. Histórico de Resultados: Possui um registro comprovado de fornecer soluções eficazes que geram resultados significativos para os clientes.

  3. Networking Forte: Beneficia-se de uma rede extensa de contatos, incluindo ex-membros e parceiros do setor, o que pode facilitar oportunidades de negócios e parcerias.

  4. Inovação: Continuamente busca inovar nos serviços oferecidos, usando metodologias modernas e tecnologias avançadas.

  5. Introdução ao Mercado de Trabalho: Oferece aos membros da empresa júnior uma valiosa experiência prática, preparando-os para carreiras no mercado de trabalho.
     

Fraquezas

  1. Falta de Gestão do Conhecimento: Desafios na manutenção e disseminação do conhecimento interno, especialmente devido à rotatividade de membros.

  2. Sobrecarga dos Membros: Membros frequentemente enfrentam sobrecarga de trabalho, o que pode afetar a produtividade e a qualidade dos projetos.

  3. Falta de Assertividade do Marketing: Marketing nem sempre eficaz em comunicar os valores e diferenciais da empresa.

  4. Imaturidade Organizacional: Como uma empresa júnior, pode enfrentar desafios de imaturidade organizacional e falta de experiência.

  5. Desalinhamento das Áreas: Diferentes áreas da empresa podem não estar totalmente alinhadas, o que afeta a eficiência operacional.
     

Oportunidades

  1. Licitações: Participar em licitações pode abrir portas para grandes projetos e novos clientes.

  2. Projetos Remotos: Expandir serviços para clientes em outros estados ou até internacionalmente.

  3. Transformação Digital: Oferecer consultoria em transformação digital, um mercado em crescimento.

  4. LGPD: Desenvolver e vender projetos focados em conformidade com a Lei Geral de Proteção de Dados.

  5. Promoção de um HUB de Soluções: Criar um centro de soluções que integre diferentes serviços e inovações.
     

Ameaças

  1. Alto Poder de Negociação dos Clientes e Parceiros: Pode pressionar as margens de lucro e as condições de contratos.

  2. Alta Rivalidade entre Concorrentes: Mercado competitivo que pode limitar o crescimento e reduzir a quota de mercado.

  3. Crise Econômica: Pode reduzir a demanda por serviços de consultoria.

  4. Captação de Membros pelas Empresas Seniores: Dificuldade em reter talentos, que podem preferir oportunidades em empresas estabelecidas.

  5. Volta das Aulas Presenciais na UnB: Pode afetar a disponibilidade de membros para se dedicarem à empresa júnior.

SWOT

4) Análise SWOT

A análise SWOT é uma ferramenta fundamental para entender as forças, fraquezas, oportunidades e ameaças que o Grupo Gestão enfrenta. Ela proporciona insights valiosos que podem ajudar na formulação de estratégias eficazes para alcançar os objetivos de negócios. Vamos detalhar cada aspecto da análise SWOT para o Grupo Gestão:

Forças

  1. Cartela de Produtos Diversificada: Oferece uma gama variada de serviços de consultoria que podem atender diferentes necessidades de clientes em diversos setores.

  2. Histórico de Resultados: Possui um registro comprovado de fornecer soluções eficazes que geram resultados significativos para os clientes.

  3. Networking Forte: Beneficia-se de uma rede extensa de contatos, incluindo ex-membros e parceiros do setor, o que pode facilitar oportunidades de negócios e parcerias.

  4. Inovação: Continuamente busca inovar nos serviços oferecidos, usando metodologias modernas e tecnologias avançadas.

  5. Introdução ao Mercado de Trabalho: Oferece aos membros da empresa júnior uma valiosa experiência prática, preparando-os para carreiras no mercado de trabalho.
     

Fraquezas

  1. Falta de Gestão do Conhecimento: Desafios na manutenção e disseminação do conhecimento interno, especialmente devido à rotatividade de membros.

  2. Sobrecarga dos Membros: Membros frequentemente enfrentam sobrecarga de trabalho, o que pode afetar a produtividade e a qualidade dos projetos.

  3. Falta de Assertividade do Marketing: Marketing nem sempre eficaz em comunicar os valores e diferenciais da empresa.

  4. Imaturidade Organizacional: Como uma empresa júnior, pode enfrentar desafios de imaturidade organizacional e falta de experiência.

  5. Desalinhamento das Áreas: Diferentes áreas da empresa podem não estar totalmente alinhadas, o que afeta a eficiência operacional.
     

Oportunidades

  1. Licitações: Participar em licitações pode abrir portas para grandes projetos e novos clientes.

  2. Projetos Remotos: Expandir serviços para clientes em outros estados ou até internacionalmente.

  3. Transformação Digital: Oferecer consultoria em transformação digital, um mercado em crescimento.

  4. LGPD: Desenvolver e vender projetos focados em conformidade com a Lei Geral de Proteção de Dados.

  5. Promoção de um HUB de Soluções: Criar um centro de soluções que integre diferentes serviços e inovações.
     

Ameaças

  1. Alto Poder de Negociação dos Clientes e Parceiros: Pode pressionar as margens de lucro e as condições de contratos.

  2. Alta Rivalidade entre Concorrentes: Mercado competitivo que pode limitar o crescimento e reduzir a quota de mercado.

  3. Crise Econômica: Pode reduzir a demanda por serviços de consultoria.

  4. Captação de Membros pelas Empresas Seniores: Dificuldade em reter talentos, que podem preferir oportunidades em empresas estabelecidas.

  5. Volta das Aulas Presenciais na UnB: Pode afetar a disponibilidade de membros para se dedicarem à empresa júnior.

Praça
Parcerias
Tom de Voz

5) Breve Descrição da Empresa

A análise SWOT é uma ferramenta fundamental para entender as forças, fraquezas, oportunidades e ameaças que o Grupo Gestão enfrenta. Ela proporciona insights valiosos que podem ajudar na formulação de estratégias eficazes para alcançar os objetivos de negócios. Vamos detalhar cada aspecto da análise SWOT para o Grupo Gestão:

Forças

  1. Cartela de Produtos Diversificada: Oferece uma gama variada de serviços de consultoria que podem atender diferentes necessidades de clientes em diversos setores.

  2. Histórico de Resultados: Possui um registro comprovado de fornecer soluções eficazes que geram resultados significativos para os clientes.

  3. Networking Forte: Beneficia-se de uma rede extensa de contatos, incluindo ex-membros e parceiros do setor, o que pode facilitar oportunidades de negócios e parcerias.

  4. Inovação: Continuamente busca inovar nos serviços oferecidos, usando metodologias modernas e tecnologias avançadas.

  5. Introdução ao Mercado de Trabalho: Oferece aos membros da empresa júnior uma valiosa experiência prática, preparando-os para carreiras no mercado de trabalho.
     

Fraquezas

  1. Falta de Gestão do Conhecimento: Desafios na manutenção e disseminação do conhecimento interno, especialmente devido à rotatividade de membros.

  2. Sobrecarga dos Membros: Membros frequentemente enfrentam sobrecarga de trabalho, o que pode afetar a produtividade e a qualidade dos projetos.

  3. Falta de Assertividade do Marketing: Marketing nem sempre eficaz em comunicar os valores e diferenciais da empresa.

  4. Imaturidade Organizacional: Como uma empresa júnior, pode enfrentar desafios de imaturidade organizacional e falta de experiência.

  5. Desalinhamento das Áreas: Diferentes áreas da empresa podem não estar totalmente alinhadas, o que afeta a eficiência operacional.
     

Oportunidades

  1. Licitações: Participar em licitações pode abrir portas para grandes projetos e novos clientes.

  2. Projetos Remotos: Expandir serviços para clientes em outros estados ou até internacionalmente.

  3. Transformação Digital: Oferecer consultoria em transformação digital, um mercado em crescimento.

  4. LGPD: Desenvolver e vender projetos focados em conformidade com a Lei Geral de Proteção de Dados.

  5. Promoção de um HUB de Soluções: Criar um centro de soluções que integre diferentes serviços e inovações.
     

Ameaças

  1. Alto Poder de Negociação dos Clientes e Parceiros: Pode pressionar as margens de lucro e as condições de contratos.

  2. Alta Rivalidade entre Concorrentes: Mercado competitivo que pode limitar o crescimento e reduzir a quota de mercado.

  3. Crise Econômica: Pode reduzir a demanda por serviços de consultoria.

  4. Captação de Membros pelas Empresas Seniores: Dificuldade em reter talentos, que podem preferir oportunidades em empresas estabelecidas.

  5. Volta das Aulas Presenciais na UnB: Pode afetar a disponibilidade de membros para se dedicarem à empresa júnior.

Prmoca
RTBs
bottom of page